domingo, 13 de março de 2016

[Resenha] Pela Noite Eterna ~ Never Sky #2

Ficha Técnica:

Livro: Pela Noite Eterna
Serie: Never Sky #2
Paginas: 299
Ano: 
Autora: Veronica Rossi
Editora: Rocco
Selo: Jovens Leitores

 "Quando irrompe uma tempestade de Éter, ninguém está a salvo. O mundo se torna um caos... Em que você pode confiar?"


  Continuamos acompanhando a historia de Aria, uma ocupante que foi expulsa de seu lar, a cápsula Quimera, e Perry, um forasteiro da aldeia dos Marés. Como falei na resenha anterior, a Terra, teve sua atmosfera rompida por uma matéria espacial, o Éter, que agora domina praticamente o céu do planeta inteiro, e nas suas tempestades destrói tudo que está no seu caminho.

  No começo já temos algumas respostas sobre o relacionamento de Perry e Aria, que ficou meio abalado, okay, nada tão dramático, mas com a partida repentina dela, ficamos nos perguntado o que aconteceria a seguir?

  Aria, está sendo obrigada a por Hess, comandante de Quimera, a procurar um lugar chamado Azul Sereno, onde dizem ser livre do Éter, isso em troca da libertação do sobrinho de Perry, Talon. Mas como procurar um lugar que ninguém conhece?

  Ainda saberemos mais como ela lidará com a morte da sua mãe e a descoberta de ser metade forasteira, além de ser uma Audi. Devido a situação atual do Perry, ela não irá nessa jornada com ele, mas sim com o carismático Roar, que ainda continua em busca de Liv, o seu grande amor.

  Perry, após descobrir que seu irmão Sable, vendeu seu sobrinho para os Ocupantes, não pensou duas vezes antes de mata-lo, e com isso veio a responsabilidade de se tornar o novo líder dos Marés, que não foi tão ruim, já que ele sempre quis isso, mas ele não sabe exatamente o que fazer para alimentar e proteger uma aldeia inteira, além de ter as tempestades de Éter, mais fortes e frequentes a cada dia.

  Já deu para perceber que o livro vai ser bem agitado, praticamente uma luta para a sobrevivência, e isso tudo pode ser resolvido se Aria conseguir encontrar o Azul Sereno, mas quem iria morar lá? A aldeia dos Marés ou os Ocupantes de Quimera?

  "Confesso que estava muito ansioso para ler esse livro, depois do final inimaginável de Sob o Céu do Nunca, não pensei que teríamos toda essa reviravolta na historia, mas a autora conseguiu me deixar cheio de perguntas, principalmente sobre o futuro da relação de Perry e Aria, que além de não estar muito boa aqui, teve indícios de novos interesses amorosos para os dois, só que como falei acima, o que acontecerá quando encontrarem o Azul Sereno?"
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 renata massa